sábado, 12 de setembro de 2009

Investigado por assassinato, agora faz segurança a Messi

Lionel Messi está na Argentina, onde vai representar a selecção no apuramento sul-americano para o Mundial-2010. Os argentinos defrontam os eternos rivais brasileiros, e todos os cuidados com a estrela da companhia são poucos. Por isso, a federação de futebol decidiu arranjar segurança a Messi. O problema é que o encarregado por vigiar o astro do Barcelona já foi investigado por homicídio e tem um longo historial de violência.
O diário «Olé» refere que Ariel Pugliese, conhecido com Gusano, é chefe de uma facção dos Los Perales, claque do Nueva Chicago, emblema da Primeira B argentina. Pugliese esteve sob investigação policial pelo assassinato de Marcelo Cejas, adepto do Tigre, morto em Junho de 2007. Para além disso, «Gusano» tem registo de vários incidentes com armas de fogo. Agora, é segurança daquele que é considerado por muitos o melhor jogador do mundo.
Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos ...