sábado, 10 de outubro de 2009

Caso Diouf: polícia não encontrou bananas

O Everton exige um pedido de desculpas ao avançado El-Hadji Diouf, do Blackburn, que mentiu ao afirmar ter sido atingido por bananas durante o jogo de domingo, da Premier League.
A polícia procurou sem sucesso as ditas no relvado do Goodison Park, onde há registo, apenas, do alegado comportamento racista do jogador senegalês para com um apanha-bolas.

«Depois de o estádio ficar vazio, os funcionários do Everton fizeram uma busca aos locais de onde, alegadamente, os seus adeptos teriam arremessado bananas ao jogador do Blackburn, mas nada foi encontrado. Como clube, somos frontalmente contra qualquer manifestação de racismo, não o toleraremos e estamos na linha da frente nesse combate. As alegações de Diouf são, clara e completamente, falsas», argumentou o porta-voz dos «toffees», Ian Ross.
Enviar um comentário
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Mensagens populares

Recomendamos ...